terça-feira, 16 de setembro de 2014

Nossos Poetas de A a E



Ausência...

Adelia Mateus


Por todos os cantos a solidão  permanece 
neste coração sem mesmo saber o que procura!

Talvez a falta de um amor que traga felicidade...

Ausência de calor humano ...

Silêncio ao acordar sem ter a quem dizer 
Bom dia...

Falta de alguém ao meu lado para 
dar e receber carinho, sentir prazer...

Nem sei se é isto mesmo que busco na vida...

Sei que o silêncio me sufoca...

A solidão me entristece...

O tempo passando muito rápido...

Que nem percebo se estou viva...

Nesta ausência triste repleta de solidão!



PARTIU...

Anna Peralva


Partiu sem estardalhaço...
Sequer ousou olhar para trás.
Não releu a história vivida,
sem dó apagou o passado, 
nosso maior legado!


Vivia atormentado, arredio,
pensou em si e mais nada...
Silêncio envolvendo sentimentos.
Partiu, partindo meu coração
deixando muda toda emoção.


Não houve palavra de consolo
ou algum suspiro de talvez...
Sua frieza despiu minha fantasia
nos olhos lia uma insensível certeza.
Partiu para uma vida de incerteza
 levou junto minha alma, em afasia...


Partiu sem ser partido... Foi frio e calculista!
Perdeu a fé, os sonhos, matou o amor!
Partiu... Partindo-me em saudades e dor!



Noites de luar ...

Autora Angela*Poesi@


Noite ... de luar azul..
Céu estrelado... 
Lua de raios prateados...
Raios que atingem minh'alma


E desperta meus sonhos...
Já adormecidos...
Amarelados pelo tempo...
Mas Jamais esquecidos...


Meu coração se agita...
E  lagrimas rolam em minha face...
E quando o dia amanhece ...
Só ficam as lembranças...

Brasília 13/05/2004



Sou só...
 (Ariovaldo Cavarzan)


Sou pedaço.
Simples parte desgarrada
de um todo,
ansiando sentir-me inteiro,
sentir-me um só...

Sou a cruel nostalgia
estampada nos olhos.
Sou lágrima,
sou tristeza,
sou solidão,
sou incerteza,
sou pó...

Vago em noites
sem madrugadas,
e amanheço na escuridão
de dias sem sol.

Sou resto de chuva tardia
que escorre em solo rachado.
Sou órfão de Amor.
Sou só...



Procura 

Ary Franco


Por este mundo afora,
caminho sem destino à procura 
de alguém que se interesse em me ouvir,
saber de meus quereres,
mitigar meu sofrer,
dirimir minhas dúvidas,
aquecer meu coração,
e me amar perenemente...


Onde e como encontrar essa mulher?
Que reúna todos esses quesitos,
e que venha a me completar 
nessa busca incessante do meu ser...


Posso estar nesse exato momento,
amando-a sem conhecê-la,
desconhecendo sua real existência?
Quantas perguntas, não respondidas,
quanta procura, sem nenhum achado...


Continuo meu caminho desnorteado,
sem saber aonde ir,
mas acreditando que um dia
ela irá aparecer diante de mim,
reavivando a chama tremeluzente,
que ainda arde em meu
peito quente.
  
28/10/09




Por que te amo tanto
Augusta Burigo


Porque  assim como sou ,me aceitaste.
Me amaste sem preconceito.
Por ti, com teu amor , me enfeitiçaste.
Por tanto me querer ,me  amaste do teu melhor  jeito.

Por que te amo tanto!

Porque já não mais me enxergava e devolveste meu  viver.
Por  querer de mim ser tua sombra sem cobrança...
Por me fazer sempre lembrar de não deixar de te querer...
e do teu amor sincero, nunca perder a esperança.

Por que te amo tanto! 

Agora está  tão fácil responder !
Tu tens amor  bastante  pra me amar.
Não tem o que não entender!
E eu tenho  a qualquer hora do dia, esse amor pra poder  te saciar.

Por que te amo tanto!

Por tudo que já falei...
E  neste instante  até já somei e  multipliquei.
Deu o resultado que eu sequer um dia  imaginei.
O passado eu enterrei.
O presente eu viverei e o futuro junto de ti sempre estarei.



CORAÇÃO TRISTE
Beki Bassan



Hoje meu coração está triste.
O amor traz alegrias e tristezas.
Quando somos incompreendidos,
ou a pessoa amada não entende,
e responde com rispidez.

Mas eu não vou deixar meu coração assim,
Vou respirar, caminhar e sentir se vale a pena
ficar magoada injustamente.
Acredito que não pois um amor não destroi,
pelo contrário ele constroi.

A vida é para ser vivida com alegria,
e este sempre foi meu lema.
Vou pesar na balança e depois, 
se eu sentir que não vale a pena,
saio fora e retorno com o coração livre.

Quem sabe uma pequena rusga,
é colocada para entendermos,
que aquele não era a alma gemea,
e agora quem sabe posso encontrar.
Então paro, medito e sei que
com equilíbrio tomarei a decisão certa.



Senhor

Carlos Roberto Lemberg

            
Como é forte o poder da oração
Orando pelo nosso querido irmão
Quando emana do fundo do coração
O Pai sempre nos estenderá a mão

Com Ele teremos a benção
E também a remissão
E nos dará o perdão
Dos pecados e a plena salvação

Assim poderemos ter a felicidade
De poder sentir a sensibilidade
De um fato tornar-se realidade
Conseguindo assim uma grande amizade

E no Mundo Paz e Fraternidade

Curitiba - PR - 02/02/2006



Meu Pecado

Cel  (Cecília Carvalho)


Meu pecado foi amar,
deixar que o amor me tomasse
e em seus braços me levasse, com ele ...
Meu pecado foi querer,
sentir meu corpo ferver, na angústia do desejo,
e inebriar-se, na paixão ...
Meu pecado foi sofrer,
deixar-me levar pela paixão,
sentir no peito a dor da saudade, solidão amarga
dos que vivem só ...
Hoje voltei à minha tumba,
ferida, com pecados que me sangravam o corpo
e chorei ...



SONETO SEM INSPIRAÇÃO

Cibele Carvalho


Minha inspiração sucumbiu.
Agora, jaz, num canto qualquer.
Não sei onde foi que caiu,
nem por que caiu, sequer...

Deve estar num desvão isolado
do meu coração apaixonado
ou talvez tenha deixado
no corpo do meu amado.
  
Pode estar na espera angustiante
de que chegue o mágico instante
de não ter de esperá-lo assim...

Certamente estará ao seu lado,
quando o vir chegando apressado,
pra ficar, pra sempre, junto a mim.

RJ, 28/03/11



Emoção

Cida Valadares


Esta ternura, tão pura,
Vestindo este sentimento.
Esta calma doce e segura,
Invadindo-me o pensamento.
É o sorriso que a alma apara
Entrecortando a canção…
É o carinho que dispara
Sinais pelo coração.
É o saber-se no enlevo
disperso na imensidão
O nascimento de um sonho
Velado pela Emoção!



Lembranças

Ciducha

Como esquecê-las
Se comigo carrego ,
na alma e na retina!
É tão nítida a sua imagem,
sua figura,seu porte ....
seu andar leonino!
Lembro tão bem...e chego
a vê-lo, como se fosse uma miragem,
sendo só meu....o meu menino....
mas   sabendo que nunca mais,
por mais que eu queira,
seremos iguais!

21/02/2005




Na Valsa do Vento 

Clara da Costa

Na insinuação de palavras e atos,
tempestades sobrevoam o coração
disfarçam segredos,
saudades latentes.

Rabiscados sentimentos
feito de ausências
ousadias e mansidão.
de sutis reticências.

Coração e poesia,
um pássaro cantante
transportando a magia
na valsa do vento.



Sofrer.
   
Delasnieve DAspet


.
O humano é a soma de suas contradições. 
Cultivamos o sofrimento 
Desde a Grécia antiga. 
É uma síndrome. 
.
Porque ter de penar para ser feliz? 
Quem nos confirma que o premio para tanto sofrer 
É de fato a eternidade?! 
Esta máxima não deve ser incorporada. 
Não devemos ter medo da felicidade. 
.
Não tenho medo de ser feliz. 
Gosto de pensar que minha luta tem sentido. 
Que me harmonizo comigo. 
Que tenho equilíbrio e paz! 
.
A felicidade não se encontra em supermercado. 
Não se vende por metro. 
Mas é um bem atingível e ponderável! 
.
Melhor perder pelo dito 
Do que pelo não dito. 
Viver com brilho intenso, 
Mesmo que pouco! 
.
Pensando nisso, resolvo - pois, 
Abandonar o vazio que me cobre a alma, 
Já que sou eu em duas 
Ou duas em mim! 
.
Uma face oculta que me subverte! 
Outra que me entrega. 
Uma que sofre, outra que ri! 
Uma que dá, outra que toma! 
Uma que sopra, outra que apaga! 
.
Vou já verificar-me 
Na dualidade que me domina, 
Não vou durar uma eternidade buscando-me! 

Campo Grande - 25-12-2001



SEDUÇÃO...

Dioni Fernandes Virtuoso


Meu corpo dançando,
vai com amor expressando
o que tenho em mente
e te chama...Maliciosamente!


Com o véu que nada cobre,
enrolo os desejos meus, 
pura magia nos envolve,
desperto também, os teus...

E antes que a música acabe,
dançamos na liberdade
do amor que nos faz viver... 

E as notas soam feito sino,
como se fosse um lindo hino
abrasando ainda mais nosso prazer...



Suspirando por você

Eliana Ellinger (Shir)


Passo os dias embalada,
suspirando por você,
é saudade adocicada
que sinto, pode crer!

Tivemos noite passada,
um amor que ninguém tem,
de um jeito tão gostoso
nos levando muito além.

Era a lua nos olhando
- sorrindo prá nós dois -
e você me acarinhando,
eu me entregando depois !

Foi chegando a madrugada,
o dia amanheceu,
nós juntinhos n'alvorada,
só de amor você e eu !

Assoprando veio o vento
e levou de mim você...
Hoje aqui eu suspirando,
pergunto ao vento: Por que?
  
08/11/2011


Trabalho de arte: Marilda Ternura

domingo, 7 de setembro de 2014

POESIA Marilda Conceição