4 de fev de 2018

O SAMBA DO ZÉ - Anna Peralva



O SAMBA DO ZÉ
Anna Peralva

 
  • Zé é um grande gozador!
    Vive nas avenidas da vida...
    Zé é um pobre trabalhador,
    mas tem gingado de malandro
    e no olhar, um que de sonhador.
     
    Zé ganha o pão de cada dia
    e aguarda extravasar e dançar!
    Zé se transforma, transpira alegria
    e como se faz, ele gosta de ensinar!
    Zé rodopia no salão, vai, vai, vai,
    vai driblando a tristeza sorrindo!
     
    Sua fé contagia, pois Zé é a folia
    que em galanteio e molejo segue
    em busca de uma nova ilusão.
    Zé quer samba, igualdade e paz,
    poder livre expressar sua emoção
    e que nunca a esperança lhe negue,
    o direito de ir em frente. Zé vai, vai!


  • Arte Augusta BS

30 de jan de 2018

DIA DA SAUDADE



















Canto da desilusão
Vanderli Granatto
 
 
 
Vai saudade, parta daqui...
Vá pra longe, distancies de mim...
Faço versos, entoo canção,
algo pra preencher o vazio deste coração.
Esta solidão maltrata, aos poucos mata. 
No universo busco satisfação e alegria,
o que encontro são apenas quimeras,
sonhos irreais, que não abrandam meus ais.
Observo a brisa mansa, os pássaros que voam,
a manhã que vai se abrindo...
Tudo tão lindo!
Dentro de mim há mudanças, no dia a dia,
mas nada que leve, à alegria e satisfação
Instigo a imaginação.
Não posso me deixar levar
pela angustia e desilusão.
Nas dores sem cura, não encontro guarida,
se ao menos elas me fizessem tudo esquecer...
Pra não me tornar pedra dura, choro...
Lavo a alma e o coração no pranto,
que triste, desencantado,
canta o canto da desilusão.
Vai saudade, parta daqui...
Vá pra longe, distancies de mim...
Faço versos, entoo canção,
Faço algo pra preencher
o vazio deste coração!
 
Vanderli
Botucatu/SP






SAUDADE DE VOCÊ!
ZzCouto®
 
Miro o alvo e não acerto essa
saudade em meu peito travesso.
Sente forte sua ausência
e de repente me vira do avesso...
 
Saudade que cega meu olhar
faz meu corpo nu desfalecer.
Ele sente, se desfaz, refaz
e faz o amor acontecer...
 
Saudade que tem alma forte
 tem amor e sentimento.
Inebriada chega até você
confundindo meu momento...
 
Um corpo é o que resta de mim
alma, coração, espírito e calma.
 A distância faz saudade
 o seu amor alivia e acalma...
 
RJ - Jan/18
 

29 de jan de 2018

É carnaval, vem viver esta magia!-Socorro Lima Dantas




É carnaval, vem viver esta magia!

Socorro Lima Dantas




É carnaval,
vem viver esta magia !
é a festa da alegria que me contagia
É carnaval,  é só folia !
A minha festa preferida,
e eu não vou deixar passar
sem  brincar, dançar, pular, cantar e rolar
o meu bloco está a me esperar !
Hoje eu só quero é frevar,
Não importa o amanhã
O que passou, passou...
amanhã será outro dia
Hoje é só alegria !
porque é carnaval !
vamos viver este dia de alegria !
Vem, veste a tua fantasia
de palhaço,  pierrô ou arlequim,
Vem curtir, dançar,  brincar  
e este frevo rasgado pular !
Deixa a tristeza de lado
e vem viver este amor de carnaval,
são quatro dias de amizade e folia,
para curtir sem pensar no outro dia.
É carnaval, vem viver esta magia!


Vem Meu Pierrô-Vanderli Granatto

Arte Augusta BS

15 de dez de 2017

Meu Encontro com Papai Noel-Socorro Lima Dantas




Meu Encontro com Papai Noel

 Socorro Lima Dantas

                                

                                


       Encontrei o Papai Noel
       No shopping a passear
       Sozinho ele estava, para lá e para cá,
          Nenhuma criança a lhe rodear.
                                 


             Logo, resolvi algo lhe confessar
           Olhei ao redor e me senti grande
             Para o Papai Noel me escutar,
               Cheguei mais perto dele.
                   Pensei... Pensei... Pensei...
                                 


                 Tomei coragem e lhe disse de uma só vez:
                    Papai Noel querido, quando eu era criança
                       Quantas vezes eu te esperei !
                      Mil vezes, o meu sapatinho
                        Na janela eu coloquei,
                     E nenhum presente de você eu ganhei !
                        Eram tão pequenos os meus pedidos
                         Mas você nunca me atendeu,
                           Por que Papai Noel ? Eu tanto te chamei
                           E você para mim, no Natal nunca apareceu ?



                       Ele me fitou, viu lágrimas em meus olhos,
                      E nada pôde me responder,
                      Pois o seu rosto também ficou pranteado
                      Pôs-se aquele desabafo comigo a dividir
                      E balbuciou com emoção:
                        - Ho, Ho, Ho, 

                            você é aquela menina sonhadora,
                      a quem eu nunca pude o seu presente entregar ?



                     Papai Noel a minha mão afagou,
                    para os seus braços me puxou,
                 com ternura me abraçou,
                  a minha face afagou
                  E no meu ouvido baixinho falou:
                     Pobre grande menina,
                  Este ano eu te prometo: em tua casa eu passarei
                      E um grande presente eu te darei: 

                  será de coração
                 De mim tu não terás mais reclamação !



                  Na noite de Natal, olhas para o céu,
                   O brilho que você avistar, será eu a te acenar,
                  Com os anjos e arcanjos eu estarei para você a cantar
                  Será uma Noite de Natal bem especial, a te dedicar.
                                 


                   O meu presente será de Amor e Luz,
                 Para adornar o brilho da tua alma,
              Mas não te esqueças de tua prece de Fé
                     Que o teu coração conduz.
                                 


                   Eu sorri, chorei e quase não acreditei
                   Que um dia, o Papai Noel me ouviria
                   E escutaria o lamento de uma criança grande
                   Que guarda aquelas lembranças
                    E com ele sonhou e teve esperança.
                                 


                   Fascinada com aquele encontro,
                     Era tudo o que eu queria !
                   Ter o papai Noel ao meu lado a conversar
                     O meu sonho de criança a ele confessar
                      Dizer-lhe dos meus desapontamentos infantis
                      Pelos pedidos que ele nunca pôde realizar.



                Extasiada com a minha confissão,
               Ao papai Noel, eu falei:
         Na noite de Natal, eu estarei a te esperar
           E também a te desejar:
              Papai Noel querido,
                FELIZ NATAL meu grande amigo !
                                 
                               

29 de nov de 2017

Aniversário Clube de Poeta - 11 Anos



Uma verdadeira Conquista
E então,   no dia 28 de novembro de 2006 nascia o Clube de Poetas.
Como fundadora , Eme Paiva.
Como primeiras associadas, Rosa Magali (Eire) e Zelisa Camargo.
Hoje temos Marilda Conceição, Eliana Ellinger e Anna Peralva na comissão de frente .
São elas que vem aqui  no começo de todos os anos   , com pitadinhas de açúcar, fermento pra o  (Bolo) Clube de Poetas crescer sempre  e cada vez mais .
Tem dado ponto  e  todos nós   associados , estamos dando  nossa contribuíção com  ingredientes nescessários...
    Amizade, respeito,  amor ,união, brincadeiras, divertimentos , risos,  choros e  principalmente  dose certa de  poesias.
Ah, as poesias !...
 Dá pra ver que são feitas com ingredientes  de primeira qualidade  .
São artistas do Clube de Poetas!
 Ah que orgulho!!!!
Não podemos esquecer dos Artistas queridos que estão brilhando em outro plano, torcendo por nós!
Hoje é dia de festa e aqui repartimos  uma fatia desta  felicidade com cada um  que faz parte da  Família Clube de Poetas.

Aqui estou eu...
Aí estão vocês...
Aqui estou eu, parabenizando,
a todos nós poetamigos, que estamos aniversariando...
Mais um ano nesta vida...
Mais um ano que se passa...
O tempo não conta na vida,
muito menos para quem se abraça...
Pensemos em algo positivo...
Se estamos  comemorando,
é porque aqui temos esta gostosa amizade...
É porque da festa estamos participando...
Problemas são coisas que o vida nos traz,
podem ser  choros ou risos,
até mesmo uma alegria fugaz,
que nos trouxe sorrisos.
São coisas da vida, do tempo...
Mas... o que é o tempo?
Só um pequeno contratempo,
que sequer causa aborrecimento.
Pense em todos os amigos,
que não são poucos, e  que estão aqui conosco,
com todo carinho e consideração,
passando esta emoção...
Parabenizemo-nos pela data festejada,
e vamos sentir esta alegria,
de estarmos nos cumprimentando
e com amizade nos abraçando...
Muitas felicidades, poetamigos (as),
por desfrutarmos desta amizade,
e todas as alegrias que ela nos propicia na vida...

PARABÉNS CLUBE DE POETAS-MARILDA CONCEIÇÃO




Queridos amigos da família Clube de Poetas
Hoje é um dia especial, é com muita alegria que o Clube de Poetas
comemora seu 11º aniversário.
São onze anos de harmonia e união, onde expressamos sentimentos
através das palavras e da arte e podemos sentir a amizade,
o carinho e respeito que se faz entre nós.
Somos almas em sintonia em momentos alegres e tristes.
É muito gratificante pertencer a um grupo como este.
Agradeço e parabenizo a todos que compõem este maravilhoso grupo, 
em especial as queridas amigas Anna Peralva e Eliana Ellinger e, a Eme Paiva fundadora do grupo.
A todos meu carinho e agradecimento


PARABÉNS CLUBE DE POETAS-ELIANA ELLINGER







" A beleza existe em tudo - tanto no bem quanto no mal. Mas somente
os artistas e poetas sabem encontrá-la".
(Charles Chaplin)
Hoje nosso Clube de Poetas completa 11 anos,
compartilhando do carinho e amizade que existe entre
todos da sua grande família.
Agradeço à vocês, companheiros de batalha, pela magia
que flui dos seus versos a vida romanceira,
numa estrada sem curvas, caminhando
sempre em linhas retas para a felicidade
de todos do Clube de Poetas.
Agradeço em especial à Marilda Ternura e Anna Peralva,
também à Augusta Burigo, pelo carinho que
nos dedicam.  
Que o futuro conserve a relíquia dessa amizade
pura e verdadeira, entre seres especiais: Nós!

Com todo meu afeto,