10 de dez de 2011

POESIAS DE NATAL-NOSSOS POETAS

NATAL FELIZ
Maria Tomasia


Quando vai se aproximando o Natal
a tristeza invade todo meu ser,
de tanto que ouço o povo dizer
que é uma época muito especial.


Natal é um dia de muita alegria,
por ser o aniversário de Jesus.
Porém, muitos o veem com nostalgia,
porque diariamente carregam sua cruz.


Gente triste e sem nenhuma esperança
de possuir um emprego e dignidade,
e sonhar um dia conseguir a bonança
de ser respeitado pela ingrata sociedade.


Isso sim, seria um Natal de verdade:
ter uma família bem alimentada,
enxergar novamente a claridade
e possuir uma vida reestruturada.


Se assim fosse, seria um feliz Natal;
a alegria atingiria a todos em geral.
Reinaria muita paz nos corações
e não haveria tantas discriminações.

01/12/11


O Natal...
É pra lá de Especial!
Nídia Vargas Potsch
(indriso)


Faíscas nos olhos, sorriso na alma,
Alegria contagiante, felicidade completa.
Coração disparado, sonhos a realizar...


Olhar perdido no presépio, futuro próximo,
Como o piscar das luzes, o fulgor da Vida,
Que no ventre carregou, para todos encantar...


Vida que floresce, amor que faz brilhar!


Gente que cintila, reluz de Amor e Paz!

@Mensageir@



MENSAGEM DE NATAL
Cibele Carvalho


Com o Natal se aproximando,
devemos ir meditando
sobre seu real sentido.
Eu jamais consegui entender
o verdadeiro alarido
que vejo acontecer.
Esquecem do motivo do Natal
e fazem desse acontecimento,
mais um evento comercial.
Alguns não dirigem sequer
um pequeno pensamento
para aquele que deu causa
a tão grandioso evento.
Ignoram o que Ele ensinou
e que foi por nossa causa
que aqui na Terra encarnou.
Para ser bem coerente
com o que veio nos dizer,
basta espalhar, simplesmente,
o amor em nosso viver.
Hoje, amanhã, não faz mal...
qualquer dia pode ser Natal!


QUE O MENINO JESUS FAÇA MORADA NO SEU CORAÇÃO...
by Penhah Castro


Gente amada
e, põe amada nisso...
Encha o seu coração
da mais pura alegria...
Deixe-o mais vez preparado
para receber o nosso
maravilhoso & adorado
JESUS
que a todos quer encantar
e, sua vida renovar...


Jogue no fogo da lareira
todos as suas raivas,
todas as tristezas,
medo, decepções,
sentimento de vingança
DEIXE TUDO QUEIMAR...


Mostre para Jesus um coração LIMPO
SAUDÁVEL
cheinho de luz...
É assim , meu amigo amado
que você cria espaço
para RECEBER JESUS...
Jesus é AMOR, e somente pode habitar
onde SOMENTE existe AMOR...
FELIZ NATALLLLL




PARA UM FELIZ NATAL
Marcial Salaverry


Permita que o Natal entre pela janela
para ocupar o seu coração,
e assim, deixe que a felicidade tome conta de você.
Permita que o espirito natalino
tome conta de seu coração...
Afinal, é Natal...
Saiba receber as bençãos cheias de paz
e muitas felicidades,
que aqueles que te amam
estarão te desejando.
Deixe que desejos de paz dominem sua alma,
que sentimentos de amor dominem seu coração,
sinta as expectativas de amor flutuando no ar...
E assim, tenha um Feliz Natal,
e faça com que todos tambem o tenham...




Ao Deus-Menino
Tarcísio Ribeiro Costa



... e o silêncio é rompido
Pelo som das trombetas
que ecoa nos quatro cantos do mundo!


É o momento em que se confirma
A "Anunciação " do anjo Gabriel
À Maria...


É Natal!
Coros celestes, sons divinais,
Invadem os éteres e a terra
E aportam nos nossos corações
Para nos trazerem a Boa Nova:
A verdade, O amor!


Anjos, rutilantes como sóis,
Voam, céleres, em todas as direções!


Não se trata de ficção ou de utopia!
Realiza-se, neste momento,
A mais importante profecia,
O resgate do amor!


De repente,cessa o soar das trombetas,
Paira, agora, um profundo recolhimento,
Um suave e confortável silêncio!


Celebra-se a natividade do Menino-Deus,
Para nos trazer a verdade,
O início da redenção, pelo amor!


Coros de anjos entoam
O "Te Deum" ao Deus-Menino,
Louvor ao Deus da Salvação
Ao Deus Nosso Senhor!

O momento da verdade,
Inaugura-se a era do amor!



FELIZ NATAL
JRonaldo-JR



Quando pensar que tudo acabou
E nada mais restou
Tire teus olhos no chão
Olhe para o céu, veja sua imensidão


Quando a tristeza em tí alojar
E nao quiser te deixar
Mude tua sina
Você tem a centelha Divina


Quando estiver em amargura
E achar que não existe mais cura
Deixe deste lamento
Dê tempo ao próprio têmpo.


Desata-te deste nó
Somos feitos do mesmo pó
Ninguém é mais que ninguém
Afinal, estamos no mesmo trem.


Quando precisar de um abrigo
Quando quiser um amigo
Mentalize alto contigo
Estou aquí...conte comigo.


Todos têm um incomensurável PAI
Uma fôlha sem TUA vontade não cai
Lute, acredite, nós temos um AMIGÃO
Jesus Cristo é a solução


Amai-vós uns aos outros como EU vós
amei, esta é a única Lei


FELIZ NATAL MEUS IRMÃOS




A Distante Estrela do Natal
Ariovaldo Cavarzan


Há um olhar esguelhado,
encantado e feliz,
que da janela da sala de jantar,
busca no céu avistar
a distante estrela do Natal,
para com ela entender
as razões do bem e do mal.


Há também
um esguelhar assustado,
entorpecido de fome,
frio, sede e solidão,
que mesmo sem nada entender,
busca entrever,
do rés do chão do seu viver,
entre andrajos, luzes, sujeira, fogos
e champanhe a espoucar,
o passar apressado
dos que têm
a bênção de
um lugar a chegar.


Há um soluço engasgado,
um coração apertado,
uma tristeza,
uma indignação,
uma carência de abraço,
de aperto de mão,
uma fome de afago,
de um pedaço de pão,
agitando a alma
e elevando ao céu
a mais pura emoção.


Jesus!
Que nasces, padeces e renasces
a cada dia, de cada ano,
entre humanas promessas
de paz e de redenção,
fazei que o espiar das pessoas
consiga entrever na distante estrela,
o que é despojamento e
solidão.


E que, por fim,
possam todos também vê-Lo
nos despossuídos
de qualquer lugar,
nos que sentem necessidade especial,
nos condenados a rastejar,
nos viventes em solidão,
esquecidos, desajustados,
sentenciados, abandonados,
mal amados,
e nos desagregados
do próprio lar.


Para que, afinal,
a cada novo Natal
tenham guardado
em seu olhar esguelhado,
em seu soluço engasgado
e em seu coração,
a alegria da Manjedoura,
o martírio do Gólgota
e a luz da Ressurreição...

13/12/2008





NATAL!
Anna Peralva


Nasceu o angelical menino
há muitos Natais atrás...
Era fonte pura de luz
e num sorriso cristalino,
a promessa de paz!


Cresceu o homem...
Recanto seguro,
ombro largo e amigo,
mãos que curam...

Jesus era seu nome
e trouxe consigo
um espírito manso e puro.


Foi excelso pregador,
nas palavras sem sombras
doutrinava fé e amor.


Veio trazer a salvação
para a humanidade perdida
que entre línguas estranhas
em sombria escuridão
gerava o egoísmo nas entranhas
e agrilhoava a essência da vida.


Era humilde, rico em sabedoria...
Apregoava o cântico do louvor
ensinando as tantas maravilhas
do Reino do Pai Criador,
Manancial de energia.


É Natal!
Mais uma vez renasce
a força da esperança
e em cada alma-coração,
um pedido de perdão
aos céus alcança
numa renovada oração!




Carta ao Menino Jesus.
Cida Valadares.


Meu amado e querido Menino Jesus,
Dizem que dia 25 de dezembro é o seu aniversário.
Há controvérsias.
Então limitemo-nos às convenções que administram tantas inaugurações e dias especiais com fins que, tão bem conhecemos.
Para mim, Menino Jesus, seu aniversário e de todos aqueles a quem bem eu quero, eu amo, é todos os dias.
Lamentavelmente, porém, a vida a que nos sujeitamos, nem sempre, nos permite tais expressões.
Então quero falar-lhe, hoje, diretamente do meu para o seu coração, como sempre faço mas, hoje, mais efusivamente.
Você, amado menino, sabe o que penso sobre presente.
Presente nada mais é que, simbolicamente, o que se oferece em lugar da gente para que possamos ser lembrados embora, às vezes, isto nem sempre acontece.
Não lhe comprei presente,pois= EU SOU O SEU PRESENTE e quero me dar, inteirinha para você.
Mas, para isso, Menino amado, tive que percorrer um longo caminho de volta.
Busquei-O naquela manjedoura e trouxe-O para o calor de meu inocente coração criança.
Tive que ir percorrendo o caminho de volta e ir despindo-me de mim para recolher minhas mais puras , doces lembranças e esperanças.
Tive que ismicuir-me das crueldades com que o mundo me confrontou, que afastar-me de pessoas que, ao crescer foram matando suas crianças interiores fazendo-me assistir ao enterro de tantas dores.
Tive que atiçar fora as máscaras com as quais preservo em minhas omissões pois mentir...não sei.
Tive que despir-me de mim, sentir frio em colocar do lado de fora ( quem dera) para sempre, este meu coração chagado e ameaçado, à toda hora, por investidas das dores que me tornam pesada e pois pesam-me o coração e alma.
Hoje, Menino amado, Menino Meu, quero ser o bebê que engatinha, ainda, para criança ser.
Assim, sei que me olhará com seus olhos puros e eu O reconhecerei como a criança que encontra a minha e comemoram, juntas, este tempo de alegria.
Assim é, Menino Jesus, que venho parabenizá-lo.
Quero olhar o céu e encontrar a estrela mais menina, mais pura que sei, mandar-me-á como resposta, direto ao meu coração criança, atendendo ao convite que Lhe faço, agora.
Entra, Menino amado, Santo e Bendito.
Afinal, seu Pai foi que nos ensinou que o caminho para chegarmos às mansões celestiais é que nos façamos crianças, sempre.
“Vinde a mim, as crianças, poie delas será o Reino dos Céus.”
Parabéns, agora, meu menino.
Coloque suas mãos sobre as minhas e certifique-se de que aqui existe uma criança, uma criança agora, muito mais feliz.
Uma criança que ama, sonha, comemora e ri, como qualquer outra.
Uma criança que quer cantar junto à orquestra celestial , junto aos seus anjos, o “Parabéns para você.
Faça-nos felizes, Menino Jesus.
Ouça-nos as preces e socorre, sem demora os perdidos.
Traga um pouco mais de esperança aos sofridos e, à exemplo de mim, adentre-se aos corações dos que creem em você, dando-lhes força, humildade para perdoar e receber perdão.
E fique conosco, fique mais um pouco junto a mim pois afinal... os anos estão passando depressa demais...Daqui a pouco será Natal outra vez.
Estaremos mais crescidos e preparados para o parto natural de muitas...muitas...muitas crianças, novamente.
Parabéns , Menino Jesus!.



AI DE VÓS
Luiza Porto



Ai de vós, os que reclamam de tudo!
Esquece que todas as manhãs,
o Cristo sorridente, espera seu despertar e diz:
Olha o que te preparei.
E diz mais, velei seu sono, mal algum lhe aconteceu.
Eu vigiei!
Mas você, na ânsia de reclamar,
nem ligou.
Não reparou que levantou bem disposto e com saúde,
e atravessou o vale das sombras sem percalços.
Durante o dia, teve pressa em julgar o próximo,
esquecendo sua missão.
Nessa pressa interpretou os atos e palavras alheias,
com uma sentença severa, punitiva, sem chance de perdão.
Durante o dia, eu tentei te avisar, para que fosse outro o caminho,
mas não me ouviu.
Anoiteceu! Quem sabe agora poderá notar a minha presença.
Me ouvir, mas está muito ocupado, reclamando que o dia foi curto e rápido demais.
Bom, quem sabe mais tarde, talvez me dirija uma pequena prece,
quem sabe agradeça por nada ter lhe acontecido de mal.
Passou o tempo. Ei, vai se deitar?
Como parece estar cansado.
Eu falei: O sono será bendito, mas não me ouviu,
reclamando da cama e que talvez as horas de sono não fossem suficientes.
Mas ainda queria lhe falar, para dizer que a vida tem um ritmo próprio,
e que deves confiar em mim, para resolver seus problemas.
Vou lhe dizer: Ei! Psiu, deixe-me falar que...
É, dormiu, mas eu ficarei aqui
e velarei seu sono.



OS PASSOS DO MESTRE
Margaret Pelicano



A passos lentos e decididos,
vem chegando uma nova onda
transplanetária consciência que nos sonda
transmutando o negativo em positivo
borrifando amor sobre os oprimidos!
A semente de solidariedade plantada por Jesus
gerou esta clemência,
compaixão que a muitos acerca,
luz que a todos conduz!
São vibrações de nascimento
chegada do espírito que nos guia,
que Ele visite seu lar, sua família,
e traga a todos muita paz e harmonia!
FELIZ NATAL!

Brasília, 04/12/2011

Um comentário:

Anônimo disse...

Que em nossos corações seja Natal todos os dias,assim deixaremos que os bons sentimentos possam fluir como brisa mansa e a bondade há de direcionar em verdade nossos atos, palavras e gestos.
Beijus Anna Peralva