sábado, 28 de novembro de 2015

IX ANIVERSÁRIO DO CLUBE DE POETAS

Como nasceu o Clube de Poetas !?
De um parto normal...
Tudo muito bem planejado.
 ----------------
 Depois de muitas e muitas conversas, depois de muitos gastos com telefonemas porque até então  não tinha o talzinho do Wat Zap....
Nascia o Clube de Poetas!
28 de novembro de 2006
Como se deu o planejamento?
 Máquinas e mais máquinas pra deixar o terreno nivelado.
Era terreno firme?
 Não se sabia.
Tinha certeza se era chão próprio para  o plantio?
 Também não se sabia.
Conversas conversas e mais conversas.
Afinal o que ia ser plantado (Poesias)  tinha que  estar com um solo muito preparado pra receber ilustres sementes( Poetas).
Seguindo  as palavras do escrivão Pero Vaz de Caminha , da frota  de Pedro Álvares Cabral, descrevendo a fertilidade do solo , ele disse:
" A terra é de tal maneira  graciosa e fertil que, em se querendo, dar-se-á nela tudo".
E asssim fizeram as meninas queridas...
 A  fita  foi cortada   e as primeira sementes foram , em terra rica , plantadas.
Com muita fé, união,   amor e perseverança,  as sementes  estão dando frutos!
Cada  Poeta que faz parte deste Clube, pode sim, se sentir um privilegiado.
Sementes e mais sementes começaram a chegar.(Poetas)
As primeiras sementes vieram com nomes de Eme, Marilda, Anna, Lilia, Zeliza.
Em seguida chegou outra  ótima  semente , Eire.
Logo  logo ,a semente  Eliana. Esta como as outras ,não veio com praga alguma.
A semente  deu bons frutos e ainda continua dando.
Cada chegada de uma semente(Poeta) era choro de felicidade . Uma alegria, mistura de grandes emoções.
Só elas pra medir a dimensão de tanta alegria .
Algumas sementes não se encontram mais com a gente.
Umas sairam e outras já não se encontram mais nesta terra.
Uma pena !
As que não se encontram nesta terra, estão batendo palmas pra nós, com certeza.


As primeiras semente de 2006  ,depois no mesmo ano, vieram as outras de todos os cantos deste mundo...
Meninas e meninos ,
pedi a participação do Marcial. 
Bah, deixei o Poeta quase louco!
Ele queria me dar um acróstico de outro ano.
Não senhor,mas não senhor mesmo, falei pra ele, bem braba .
Ai que pecado, não teve coragem de dizer um não!
 To com remorso!
 Marcial, querido amigo,
muito obrigada,viu?

Prometo te incomodar  nos outros anos.




Trabaho de Arte criação Augusta Burigo

3 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns Poetas!! Parabéns Augusta pela maravilhosa Festa!
...A Vida declama seus versos a todo instante...
Feliz aquele que percebe a grandiosidade desta Poesia, muitas e muitas vezes declamadas em silêncio! A Poesia da Vida de cada dia!!!
Thais "beijaflor"

Luciano Marcone disse...

Sensacional !
Parabéns pelo aniversário do clube e parabéns principalmente pela iniciativa de tê-lo criado em 2006 !
PS.: adorei a fotomontagem...rsrsrs...

ciduchas@gmail.com disse...

Parabéns meu clube querido...Amei a arte caprichosa da Augusta,ficou lindo!Beijos
Ciducha