sexta-feira, 4 de outubro de 2013

NOSSOS POETAS DE F a M


O NOSSO SEGREDO

Ferdinando Fernandes


Veste-te de amor e dá-me a tua mão
Florimos juntos o povoar dos dias
Emudecer as delirantes fantasias
Em anseios de negrume e solidão...

Teu corpo talhado de amor e pão,
Nos braços da loucura me perdias
No fogo de tua carne me prendias
Entre o altar do sonho e da razão.

Cada junção do nosso pensamento
Cresce enamorando o nosso alento
Como um leito em fogo de desejos...

Este segredo vigia a nossa calma
Que será guardado em nossa alma
Como um poema feito só de beijos.

Germany 20-05-13



Quem pode um poeta amar?

George Alves


Quem acredita nos versos....
quem sentidos com sentimentos rima...
quem ama, como declama 
quem faz da vida uma poesia,
 senão o poeta
que compõe sensações
que rima sentidos com emoções
e que pode dar asas a imaginação 
do coração
Senão a poesia escrita 
pelo corpo nos sentidos da vida
ou na amada querida

Joe'A



Amo Tanto Tanto

*Gilda Pinheiro de Campos*


Ah meu amor....diga...
Mesmo mentindo diga 
que me ama tanto quanto te amo...
Como te amo só louco ama,
mas és a própria essencia da minha vida...
Sem ti tudo fica triste...
O sol não brilha a vida fica sem cor e sabor...
As noites longas os dias curtos para te ver e provar desses 
abraços que tanto bem me faz...
Amo teu sorriso aberto, 
teus olhos castanhos e brilhantes
que inspiram paz e confiança...
E faço do meu mundo um 
espaço  de pura ilusão...
diga amor que vens pronto
e vamos viver em paz o amor...
Ah....te voglio tanto bene ...



Folha ao vento

Hamilton Brito


Quando sai, sai assim como folha
Folha que se desprende do galho
E vai ao sabor do vento suave...
Pode cair na relva aqui ou lá
Ou então ficar à mercê do rio
Indo com as suas águas.
Mas as águas tem destino certo
Eu, eu estava ao Deus dará.
Sabia que não ficaria aqui
Mas desconhecia o meu lá.
De repente vi-me num caminho
Mas, ao contrário daquele verde
Não me levava a uma ermida.
Também não sei se era o que queria.
Ir a uma para reclamar, chorar?
O que os céus têm a ver?
Quem é o culpado desse amor?
Quem procurou por essa dor?
Foi tão somente uma vez, uma só
Uma, que eu amei e nada mais.
Mas não houve nenhum milagre
Não houve nenhuma esperança
E o outono veio com sua força
E eu, que era folha, uma folha
Deixei de ter a seiva, meu alimento
E num átimo, num momento
vi-me a mercê do acaso
e agora, não sei nem se é o caso
de dizer em agonia que amo você.



Vontade de Você...

Hilda Rosa


Há muito tive vontade de você.
Uma vontade incotrolável.
Um querer infinito,sem tréguas,
sem paradas.
Vontade de você em todos os momentos.
De sentir seu olhar, de te ouvir.
Uma vontade de te sentir.
Essa vontade agora
é só uma vontade de estar sempre com você...
de saber que a minha vontade de você
é somente a nossa vontade de querer.



PAIXÃO

Jose Ronaldo-JR 


Paixão é tudo que sai da razão
como uma doce ilusão
vivida por pouco tempo
depois? ...fica ao vento.

Pra se chegar ao amor
paixão é o caminho
mas...pra fazer ninho
só com muito amor e carinho.

Paixão...algo descontrolado
fica sempre no passado
quantas paixões em cada vida?
a quantas chamamos de querida?

Paixão...pura emoção
não fica no coração
temos que ir muito mais além
pra ficarmos pra sempre com alguém.

Quantas palavras sem nexo
Confundem amor com sexo
Como fazer compreender ?
 Não!!! não dá mais para aqui viver

Amor real ?
Está acima do bem e do mal
Não é  só a física presença
Disso...eu tenho ciência..

Paixão...falta a imperiosa junção
pra se fazer a união
da matéria...espírito e mente
só assim..."eternamente"

Dificil isso compreender ?
Tente ao menos entender
Quem sabe quando a consciência ampliar
Com certeza irá conscientizar...

Palavras ecoam ao vento
Eternize todo momento
Uma luz irá brilhar
E...quem sabe um dia enxergar...

Meu tempo aquí está a passar
Sinto isso em todo lugar
Quem sabe a missão já foi cumprida
Por que não viver mais uma outra vida !!!!



Uma canção, um violão

João Paulo Cruz Santos
(Zonzo)



Numa manhã ensolarada
estava eu dedilhando as cordas do violão,
meu companheiro nos momentos de solidão,                       
quando transformei o amor numa canção
pensando na minha amada.
Quem é este amor?
Virtual?
Real?
Não importa!
Só sei que um dia entrará pela porta
e perguntará:
esta canção é para mim?
Responderei que sim.
Quer saber como essa história terminará?
Não revelarei esta intimidade.
Pois assim, olhando para o meu amor,
para evitar qualquer outra indiscreta
revelação,
escrevo a palavra FIM

Fortaleza,21 de dezembro de 2009 



AMIGOS DO CORAÇÃO

Jorge Humberto


Nos meus dias escuros,
onde imaginário erro,
e tudo o que digo é irreal,
dou por mim, ilusório,
a espreitar o sol à janela.

Mas não há sol à janela,
o que há é uma vontade
de tê-lo, para o sonhar,
nas árvores, nos rios, onde
caiba a filosofia e a vida.

A vida que já neguei, que
de mim já perdido,
fui buscar ao engano dos
sentidos, meu pensar-me,
não me pensando então.

Ninguém sabe o que quer,
nem para onde vai, nem de
onde vem, olhos cegos à
beleza, que os cerca, tão
singela, naquela pedrinha.

Não há como a Natureza,
para me desobrigar e fazer
sair do quarto obediente,
ao que são minhas
noites, só de sombras a haver.

E é nos meus dias obscuros,
que eu trago à memória 
os amigos, como flores,
que, sendo bem cuidadas,
são para todo o sempre:

assim os amigos do coração!

01/02/11



Lua dos Enamorados...

Junior Pereira Almeida


Com teu brilho que hipnotiza
Os casais apaixonados
Sensibilizando todos os sentimentos
Curtindo tudo lado a lado.

Sonhos... Encantos... Tudo sem ilusão
Oh! Lua dos Enamorados...
Corpos entrelaçados... Verdadeira paixão
Cubra-nos com teus versos.

Nesta linda maestria
Teu semblante irradia
Vida a dois iluminada
Pureza... Simplesmente magia.

Vitória - ES
28/03/2013



Sonhos

Lucia Trigueiro

       
Paro o tempo escuto a música
melodia levando aos ares
cordas que vibram
exalando caminho
cor da relva
verde-cítrico
remanso em rio à espera
enseada azul
aspiração dominante
presença desejada esperada
lenço liso sedoso
enxugando lágrimas
sentimento escrito sentido
que contém atração elevando a afluência
que forma esperança 
amor que se inicia.



BARCO DA VIDA

Luiza Porto


Barco a vela,
ao sabor do vento,
segue um rumo imaginário
na batida das ondas.
Sua rota é dirigida pelas estrelas
que porto irás chegar
não importa...
Sempre se faz ao mar.
Enfrenta tempestades
sai quase ileso, apenas
uma vela rasgada,
nada que não possa
ser reparada.
Vai meu barco vida,
segue seu rumo
enfrente o mar bravio
chegue a um porto
que se chama...Amor.



Minhas Dores

LuliCoutinho



A noite mistura música, segredos de amor
Nuvens obscuras, raios estriados de dor
As janelas fechadas guardam melancolia
E um ar cinzento apossa meus dias

Um vento inimigo que arrepia
Traz os pecados do verão à nostalgia
Entre minhas pálpebras de areia
Sigo a insônia que ao céu me alteia

Procuro o anjo ausente, distante
Quero-o a qualquer e todo instante
Pergunto aos céus, onde estará?
A brisa acariciante me trará?

Ah, quantas noites seguirei meus prantos salgados,
As sanhas da sorte que eternizam sem teu amor!

Perdoa-me!
Espero que amanheça e chegue o sol!
E que eu possa sentir o cheiro das flores
Mas, permita-me agora, chorar minhas dores?


23/01/11
São Paulo - SP



BEIJOS DESEJADOS COM DESEJO 

Marcial Salaverry


Beijos com desejo,
são os beijos que desejo...
Quero beijos com amor
dados com calor,
porque são beijos
que traduzem desejos,
desejos de amar,
e os desejos saciar...
Desejos de unidos ficar...
Para muito amar,
não é só beijar,
é preciso carícias trocar,
é seguir aquele caminho
com muito carinho...
É também compartilhar...
e a felicidade desejar...
E, principalmente,
amar simplesmente,
com total reciprocidade,
para ter felicidade...



VIVO EM TI

Maria Tomasia


Vivo em ti, meu amor...
Mesmo que não estejas comigo,
Tu serás sempre o meu abrigo,
Até nos momentos de dor.

Mas, contigo  estou em paz,
Seja em qualquer tempo ou lugar.
Se precisares, poderás me chamar
Por ti, de tudo serei capaz.

Nada de ti espero, nada peço,
Contudo, de mim nunca duvides.
Mesmo que um dia te afastes,
Terás, sempre, o meu apreço.

Minha promessa será cumprida
- Tu és o meu amor definitivo,
O meu bem mais expressivo.
Até que, de tua vida, seja excluída.

RJ 06/11/10



Alma de Poeta

Marilda Conceição


Poeta navega em emoções,
voa em sonhos e ilusões,
Poeta ama a natureza,
namora o sol e a lua.
Do mundo, encanta-se com a beleza
e absorve as tristezas.
Vai  além da imaginação.
Usa máscara, 
cria, inventa, finge, fantasia.
Chora de saudade,
faz da tristeza, alegria.
Soluça por amor.
Sorri sentindo dor.
Poeta é um sonhador
que com toda magia
derrama em versos,
do mais profundo da alma,
sentimentos de amor.

Ternura
RJ, 31/01/2011 - 23:40h




Renascimento

Marise Ribeiro


Enterrei o passado,
Libertei meu coração do cárcere,
Acordei a solidão adormecida,
Mandei-a embora...
... E desabrochei para a vida.


Precisava inundar-me de amor,
Sentir um renascer no ventre,
Aprender novamente a caminhar,
Matizando este caminho de cor.


Agora, só quero aplacar minha fome
Dos vários anos de aridez...
Não quero mais o "eu" de pronome,
Quero o "nós" de volta outra vez.

29/10/2011

Trabalho de Arte Marilda Ternura

Nenhum comentário: