25 de dez de 2009



Como Eu Te Amo
Sol Lua©



Difícil de explicar este amor.
Que chegou assim tão de repente.
Um dia vi você em minha frente,
E um jardim se abriu em flor.

Como Eu Te Amo.

Sei que é difícil de acreditar...
Minha alma se alegra a aceitar.
Meu corpo... Só quer teu corpo...
Para livremente te amar.

Das letras você é minha poesia...
Preferida, em todas estações.
Te dedico minha vida
Minhas palavras e emoções.

Como Eu Te amo.

Até dói um amor assim...
Quando não te vejo,
é uma saudade sem fim.
Com você conquistei a felicidade.
Com você vivo a mais linda realidade.

Você é minha verdadeira paz...
Amo amar você...
E toda alegria que me traz.

Se as palavras não te dizem nada.
Pegue meu coração...
Minha alma... Meu corpo.
Me leve em tua caminhada.
Você sempre será meu amor.
Quero assim ser tua eterna amada.

Um comentário:

Anônimo disse...

Aí Solzinha, libertou a alma poeta e está arrasando! Parabéns! Beijus Anna Peralva